1.1.08

2008 com graça

Todos somos dependentes da graça. Pelo menos em uma ocasião, quando recém-chegados a este mundo, constatamos que alguém precisou nos dar a graça de seu cuidado para que estivéssemos vivos hoje. Mesmo que não tenham sido nossos genitores, alguma pessoa cuidou de nós dando-nos vida.

Se há algo que poderíamos fazer no início de cada ano, este algo é agradecer a todas as mulheres e homens que foram benignos para conosco não apenas nos nossos primeiros meses de vida, mas durante os últimos 12 meses que se passou. Benignidade é o mesmo que bondade, amabilidade, benevolência e generosidade. É como se fosse uma palavra que englobasse tudo isso.

Portanto, ser bondoso, amável, benévolo e generoso é expressar graça a alguém. Já que um dia todos fomos crianças indefesas, necessitadas da graça de outrem, por que não vivermos em graça no relacionamento com as pessoas ao nosso redor? Eis a aurora de um novo ano brilhando sobre nós a graça de podermos viver 2008 com graça.

• • •

Marcadores:

5 Comentário(s):

  • At 1 de janeiro de 2008 21:31, Blogger Alysson Amorim said…

    Gostei da nova cara do Blog, meu velho! Também o texto merece destaque! Começou o ano falando bem e do essencial. A principal morada da Graça é o calor das mãos humanas. Que este calor benigno nos embale gostasamente durante os próximos 12 meses!

    Um caloroso Abraço!

     
  • At 2 de janeiro de 2008 14:00, Blogger Elisheba said…

    Gostei muito da mensagem.Gostei pois é verdadeira!

    Que Deus habite na sua vida interior!

     
  • At 3 de janeiro de 2008 09:08, Blogger Deepak Gopi said…

    Hi felipe
    Happy new year :)
    Thanks for changing thhe look of your blog.Now I could read it through translator.Earlier your template was difficult in translator.
    May all your wishes be full filled in this year

     
  • At 3 de janeiro de 2008 12:05, Anonymous Edson Marques said…

    Felipe,


    Belíssima escolha do termo:


    Benignidade é uma palavra-chave. Com ela abrimos as portas da verdadeira Vida.

    Teu comentário no blog Mude, como sempre, se destaca. Já o li duas vezes e mais tarde lerei de novo. Há que ser degustado lentamente...


    Abraços, flores, estrelas!

     
  • At 5 de janeiro de 2008 00:43, Blogger Tamara said…

    Feliz ano todo com muita graça, Fanuel!

     

Postar um comentário

<< Home