28.6.07

Da oração

A oração é um dom divino e não um mero mérito alcançado por dedicação humana, porque Deus só pode vir a nós por iniciativa própria, já que nenhum esforço, nenhuma disciplina e nenhuma prática ascética podem trazê-lo. Todavia, quando oramos, enfrentamos tanto a presença como a ausência divina, pois, na prece, a ausência não está separada da presença de Deus, tampouco a presença está separada de sua ausência. A oração, portanto, sempre nos leva de certezas falsas a incertezas verdadeiras, de conforto a riscos, de um deus seguro a um Deus ilimitado — aquele que vive nos surpreendendo.

Marcadores:

10 Comentário(s):

  • At 29 de junho de 2007 09:44, Blogger Andreia do Flautim said…

    Oração é um momento de reflecção para falar com Deus.

     
  • At 29 de junho de 2007 18:31, Blogger Alysson Amorim said…

    Grande Felipe,

    Também vejo a oração como absoluta iniciativa divina. O acolhimento desta graça, o gozo constante dela, dependem, aí sim, de uma ação humana acolhedora.

    Meu estado tão comum de "amnésia espiritual" sufoca qualquer possibilidade de diálogo com o divino, daí minha necessidade permanente de alguma coisa como a disciplina.

    Em outras palavras, a disciplina ou prática ascética não inauguram o diálogo, mas podem ser necessárias para mantê-lo.

    Abração.

     
  • At 30 de junho de 2007 10:07, Blogger Marlene Maravilha said…

    Creio que mesmo na aparente ausencia, Deus é presente através da sua soberania, Onipotencia, Onisciencia e Onipresença. Este texto deu-me o que pensar.
    Meu querido amigo, um lindo final de semana na presença deste Deus tremendo!
    beijos

     
  • At 30 de junho de 2007 15:25, Blogger Janete Cardoso said…

    Deus vem à nós por iniciativa própria, mas a oração, não deixa de ser um convite! rsrs
    beijo, amigo, sinto sua falta!

     
  • At 1 de julho de 2007 21:28, Blogger O Lobo said…

    A oração á mesmo algo que não é nosso, é algo que vem até nós e sai de forma natural se nós nos sentirmos em comunhão com Deus, com os seres humanos e até com a natureza... Deus deu-nos estas maravilhas e quando pensamos nelas a sério, a oração vem por si só!

     
  • At 2 de julho de 2007 22:10, Anonymous Edson Marques said…

    Depois de rezar (como autômato) desde criança (religião católica) fiquei abismado quando pude constatar (em 1997) que também numa missa católica eu poderia atingir algo parecido àquilo que só conheci na meditação tântrica...

    Engraçado, não?

    Abraços, flores, estrelas..

     
  • At 4 de julho de 2007 20:01, Blogger O Lobo said…

    Já coloquei o meu comentário mas...

    Aproveito para te agradecer as visitas ao meu blog, hoje cheguei às 1000!

    Um abraço de obrigado

     
  • At 5 de julho de 2007 18:14, Blogger Tiago Almeida said…

    ola´
    vim ver-te
    passa no meu

     
  • At 7 de julho de 2007 05:29, Blogger Fa menor said…

    "A oração é um dom divino e não um mero mérito alcançado por dedicação humana"

    Foi bom ter pensado um pouquito nisso!

    Mas quantas vezes deviamos ser mais receptivos aos dons de Deus e nos esquecemos de abrir o coração para que Ele venha ao nosso encontro!

    Desejo um bom fim-de-semana

    Fa-

     
  • At 7 de julho de 2007 11:07, Blogger Felipe Fanuel said…

    Queridos Amigos e Amigas,

    Obrigado pelos comentários!


    Andrea,
    É isso aí. Pura reflexão!

    Alisson,
    "Amnésia espiritual"... Gostei!

    Marlene,
    Ausência-presença... Quer coisa mais onipresente que isso? Ele está até onde não está.

    Janete,
    Um convite mesmo!

    Lobo,
    Esta sua visão holística contribuiu muito para o que foi postado aqui.

    Edson,
    Suas experiências são sempre interessantes de se ouvir. Agradeço pela confiança em postá-las aqui.

    Tiaguim,
    Obrigado pela visitinha. Já passei lá!

    ,
    Precisamos mesmo abrir? Ou ele já vem até nós?


    Beijos e Abraços!

     

Postar um comentário

<< Home