31.3.07

Hinduísmo

O hinduísmo não é considerado propriamente uma religião ou uma filosofia, mas uma antiga manifestação sócio-cultural e religiosa que resulta em uma diversidade de crenças e práticas, constituindo as tradições mais importantes do subcontinente indiano. De origem persa, a palavra hindu se refere ao povo e à cultura do rio Indus, a noroeste da Índia, daí passou-se a designar, por parte dos europeus, como hinduísmo toda variedade de manifestações religiosas indianas. Contudo, os indianos preferem denominar sua religião como ordem eterna — Sanatana Dharma.

Dessa forma, se levar em conta que sua origem provém de fato do Sanatana Dharma — verdades eternas, ou leis compreendidas e explicadas pelos sábios rishis ­—, provavelmente o hinduísmo é a religião viva mais antiga do mundo, remontando cerca de dez mil anos. No entanto, a configuração de um sistema religioso hindu se dá durante o segundo milênio a.C., com a influência das tribos nômades arianas. Por volta deste período, estas tribos trouxeram para o norte da Índia uma cultura e teologia que se integraram às crenças e tradições locais. Antes dos árias, a antiga cultura que habitava a Índia possivelmente cultuava uma espécie de proto-Shiva, o antigo deus An.

Marcadores:

12 Comentário(s):

  • At 1 de abril de 2007 01:13, Anonymous Edson Marques said…

    Felipe,

    aqui no teu blog a gente aprende coisas!

    E isso é bom.

    Abraços, flores, estrelas..

     
  • At 1 de abril de 2007 14:23, Blogger Alysson Amorim said…

    Felipe,

    É sempre muito bom aprender sobre as tradições religiosas. Estudei alguma coisa sobre o hinduísmo em "Cultura Religiosa", uma disciplina obrigatória na PUC. Enriquece. Lembrei-me de um post anterior do seu blog, sobre Brahma. Continue nos presenteando com estas histórias.

    Um bom final de semana.

    Abs.

     
  • At 2 de abril de 2007 09:03, Blogger Papoila said…

    Ola Felipe, depois do meu eclipse devido a uma ferida no sentir, regressei para te convidar a voltares ao meu cantinho, desde ja agradeço as palavras de afecto la semeadas... Utopia a de querer sarar uma ferida...
    Deixo-te um doce bjinho,
    Papoila Sonhadora,

     
  • At 2 de abril de 2007 16:55, Blogger Haras said…

    Olá,

    Com esta postagem aprendi um pouco mais sobre o Hinduísmo, e é sempre bom abrir os nossos horizontes....

    Visita-me em:
    http://sementinha-da-vida.blogspot.com/

    Um abraço

     
  • At 3 de abril de 2007 05:19, Blogger Exemplo AVERA said…

    Muito legal

    Já saí mais um pouco da superficialidade nesse tema


    Um abraço

     
  • At 3 de abril de 2007 09:29, Blogger Marlene Maravilha said…

    Este é um blog cultural!
    Bom, muito bom vir aqui e sempre aprender um pouco mais!
    Linda semana para ti!
    beijos

     
  • At 3 de abril de 2007 12:27, Blogger Felipe Fanuel said…

    Caros amigos e caras amigas,
    Obrigado pelo prestígio de suas visitas.

    Aqui eu quis ser um pouco mais enciclopédico mesmo. Mais do que nunca, somos desafiados a conhecer um pouco mais das diferentes expressões de fé do mundo. Valorizar a alteridade é um princípio de vida nos nossos tempos.

    Abraços para eles,
    Beijos para elas.

     
  • At 3 de abril de 2007 17:46, Blogger Daniel said…

    Obrigado por compartilhar sobre tudo aqui mano...
    Vamos crescendo juntos!!!
    Abraço,

     
  • At 3 de abril de 2007 17:53, Blogger Felipe Fanuel said…

    Obrigado a vc por aqui passar.
    Forte abraço.

     
  • At 3 de abril de 2007 18:28, Blogger DE-PROPOSITO said…

    Olá
    Obrigado pela visita e pelas palavras.
    Um abraço.
    Manuel

     
  • At 3 de abril de 2007 18:47, Blogger Felipe Fanuel said…

    Imagina, Manuel.
    O teu blog é referência para quem aprecia coisa boa.
    Abraço.

     
  • At 21 de abril de 2007 09:32, Blogger Nathan said…

    Fanuel, gostei muito.
    Comente ai sobre a pororoca que acontece no rio Amazonas, ou até mesmo sobre os indios guaranis que vc tanto falava, lembra?

     

Postar um comentário

<< Home